Marketing digital para escolas

Marketing digital para escolas: saiba como atrair mais alunos

Atualmente, a tecnologia faz parte do cotidiano de forma tão intensa que é praticamente impossível viver sem as praticidades que ela oferece. É por esse motivo que pessoas de todas as idades, sejam elas adolescentes, adultos ou até idosos, estão presentes na internet.

Nesse contexto é simples entender por que a estratégia digital é uma das áreas do marketing mais utilizadas. Afinal, hoje a primeira forma de pesquisas é, sem dúvida, online. Esta é uma ótima oportunidade para as escolas divulgarem seu trabalho, visto que pais e alunos estão na internet.

Assim, por meio do marketing digital é possível atrair e captar novos alunos para a instituição e até reter os que já estudam na escola. Neste post explicamos quais são as estratégias de marketing digital para escolas que podem ser usadas nesse processo. Acompanhe!

O que é marketing digital?

Primeiramente é preciso explicar o que é o marketing digital e o que ele pode fazer por centros educacionais. Esse tipo de estratégia de marketing conta com um plano de ações que serão feitas com um objetivo em mente.

Nesse contexto as metas podem ser atrair mais alunos, aumentar o número de matrículas, reter os estudantes da instituição, entre outros. Dessa forma, quando o plano é bem aplicado, a instituição cresce e lucra.

Isso é importante porque, com os jovens, é essencial falar a língua deles. Atualmente esse contato é feito no meio digital e, assim, as escolas que ousam inovar aderindo ao marketing digital como estratégia têm colhido bons frutos.

Para tanto pode-se utilizar propagandas digitais, desenvolver websites de acesso e entendimento simples, blogs com conteúdo útil para pais, alunos e docentes e investir em divulgação nas redes sociais, por exemplo. A internet possibilita inúmeros recursos para que a escola se torne referência e ganhe visibilidade.

Quais estratégias de marketing digital podem ser utilizadas nas escolas?

Redes sociais

As redes sociais podem não estar diretamente relacionadas ao ato da venda no marketing digital, mas são uma ótima forma de divulgar a escola e chamar a atenção das pessoas. Como existem várias redes atualmente, é sensato escolher aquela em que está o público-alvo e, no caso de atuar em mais de uma rede, adequar o conteúdo e a linguagem a cada uma delas.

O Facebook é uma das mais usadas pelas empresas, visto que nela é possível criar e alimentar uma página exclusiva para a escola. Assim, além de conteúdos, permite expor fotos, dicas e o dia a dia da instituição.

Normalmente o Facebook alcança mais pessoas adultas do que jovens, uma vez que é a rede com maior número de usuários e que permite conteúdos maiores e mais ricos. Outras estratégias optam pelo Instagram, uma rede social mais focada nas imagens e em textos curtos, o que é muito atrativo para o público jovem.

Nessa estratégia a dica é usar a criatividade. É importante que o conteúdo disponibilizado não seja repetitivo. Outra dica é evitar a autopromoção excessiva e usar uma linguagem menos formal, que consiga se conectar com o público-alvo.

Sites

O Google é a maior fonte de pesquisa das pessoas atualmente. Dessa forma, a escola precisa estar bem posicionada nesse mecanismo de busca, o que só é possível por meio de blogs e sites. Nesse ponto, a escolha das palavras chaves é um aspecto de destaque e merece atenção redobrada.

Antes de iniciar é preciso ter em mente que a aparência do site é muito importante e constitui um dos critérios que o internauta usará para formar a primeira opinião sobre a escola. É imprescindível que o site criado seja bonito, simples e moderno.

Para ter sucesso nesse empreendimento também é fundamental que ele seja fácil de navegar e carregue rapidamente, afinal, nenhum jovem gosta de esperar por informações.

O site é ideal para mostrar todas as vantagens e benefícios da Instituição. Assim, é interessante ter uma aba com fotos das instalações, como a sala de computadores, áreas livres, laboratórios e demais locais.

Também deve-se abordar a proposta pedagógica da escola, as tecnologias disponíveis para os alunos, o rendimento e o nível de satisfação dos estudantes e as atividades extracurriculares oferecidas. Assim, pais e alunos terão acesso a todas as informações relevantes para tomar a sua decisão.

Blogs

O blog é um endereço necessário para estreitar o relacionamento com pais e alunos e, além disso, também é útil para consolidar a instituição como referência em um mercado competitivo. É importante que o blog criado siga os mesmos parâmetros do site, ou seja, deve ser visualmente agradável, fácil de navegar e limpo.

O que muda de um para o outro é o tipo de conteúdo exposto. Nesse caso pode-se escrever sobre assuntos do cotidiano de um estudante, como a dificuldade com certas matérias e as dicas para melhorar o tempo de estudo.

Também é interessante disponibilizar conteúdo que ajude alunos e pais em pesquisas para trabalhos escolares, visto que, ao procurar o tema no buscador online, serão redirecionados para o blog da escola.

Disponibilize materiais ricos, como e-books, infográficos, vídeos, minicursos e guias, que agregam mais valor do que posts simples. Assim, é interessante intercalar os materiais mais ricos com artigos de fácil leitura.

Devem-se espalhar caixas de assinatura de newsletter pelo blog e também pelo site, para reter os dados dos visitantes. A dica final é utilizar imagens de ótima qualidade, afinal, elas serão o primeiro atrativo para o seu post.

E-mails

Apesar de serem menos usados atualmente, os e-mails marketing ainda têm um papel relevante na captação de alunos e na comunicação com os pais dos estudantes. Provavelmente todos os pais que visitaram a escola ou tiveram interesse em conhecê-la, mas não matricularam o filho, realizaram um cadastro com seus e-mails e telefones, não é mesmo?

Uma das estratégias do marketing digital inclui enviar e-mails para essa lista de pais, convidando-os a conhecer as novidades disponíveis na instituição e todos os seus benefícios.

O marketing digital que é aplicado nas escolas também pode ser utilizado para faculdades, cursos de idioma e outras instituições de ensino com o mesmo fim. É um investimento para as instituições de ensino que desejam se modernizar e ter mais contato com o público jovem.

Com ele também é possível bater metas de alunos matriculados, melhorar a relação entre pais, alunos e escola e promover a retenção de estudantes. A comunicação na internet pode ser mais efetiva e mais econômica. Por isso, se a sua instituição deseja todos esses benefícios, deve ousar e investir no marketing digital!

Agora você já conhece a importância do marketing digital para escolas e as principais estratégias para utilizá-lo na captação de alunos para a sua instituição. Se você gostou desse artigo compartilhe-o nas redes sociais!