sustentabilidade na escola

Sustentabilidade na escola: 8 dicas para você implantar agora mesmo6 min read

A preservação do meio ambiente é um dos grandes desafios da atualidade. Utilizar programas para desenvolver a sustentabilidade na escola é muito importante, pois, além de contribuir com a preservação da natureza, ensina as crianças e jovens sobre a preocupação que eles devem ter com esse assunto.

Afinal, eles serão os adultos de amanhã. Quanto mais consciência tiverem sobre o tema, será melhor para que, no futuro, transmitam a importância do cuidado com a natureza, que deve ser sempre constante.

Saiba mais:
Quais são as 7 características em comum das escolas mais inovadoras e criativas?
Rotina na educação infantil: por que você precisa se importar com isso?
Sua escola é adepta do consumo consciente?

 

A seguir, mostramos por que esse é um assunto tão importante na escola e quais práticas ela pode aplicar para transmitir essa importância aos alunos. Acompanhe a leitura!

Entenda a importância da sustentabilidade na escola

A escola tem um papel extremamente importante na sustentabilidade. Por ser responsável por transmitir o conhecimento, tem nas mãos o poder de ensinar e demonstrar a importância da preservação da natureza.

O ensinamento é capaz de promover mudanças no comportamento das pessoas, de fazer com que elas percebam os problemas ambientais e entendam a necessidade de fazer alguma coisa para melhorar o futuro.

A escola deve ensinar que os recursos naturais estão cada vez mais escassos e, por isso, as pessoas precisam aprender a utilizá-los de maneira racional, sem desperdícios. Ademais, deve transmitir aos alunos que essa preocupação deve ser constante e passada às próximas gerações.

Confira 8 práticas sustentáveis que a escola pode aplicar

Além do ensinamento teórico, a escola precisa ensinar na prática como as ações sustentáveis são benéficas para o meio ambiente. A seguir, relacionamos algumas atitudes que a escola pode adotar com a finalidade de transmitir esse conhecimento ao aluno e também contribuir com o planeta.

1. Instalar lixeiras de coleta seletiva

Na coleta seletiva, o lixo é separado de acordo com o material utilizado em sua produção. Os tipos mais comuns de separação são: plásticos, vidros, metais, papéis e materiais orgânicos. A escola deve espalhar as lixeiras em diversos locais e instruir os alunos sobre quais materiais jogar em cada uma.

Essa é uma excelente maneira de incentivar a reciclagem e educar as crianças sobre como fazer isso. A escola também deve instruir os alunos sobre de que forma esse lixo poderá ser reaproveitado. Isso é importante para despertar o interesse na reciclagem.

2. Cultivar uma horta coletiva

Outra forma de contribuir com a educação ambiental dos alunos é ensinando-os a fazer uma pequena horta coletiva. Essa atividade é capaz de proporcionar excelentes conhecimentos a eles, já que, além de aprenderem sobre formas de cultivo de plantas, podem observar o seu crescimento e outras características ensinadas nas aulas de ciências.

Eles também poderão perceber a diferença entre os alimentos produzidos sem a utilização de agrotóxicos, serem instruídos sobre o mal que eles causam à saúde, bem como entender sobre a importância do adubo para o cultivo das plantas.

3. Diminuir o uso e o desperdício de papel

Uma das preocupações com relação ao meio ambiente é reduzir a utilização de papel. As escolas têm uma função importante nesse objetivo, pois suas atividades demandam uma grande utilização desse material.

Uma forma de reduzir esse problema é por meio da adoção de um software de gestão escolar. Isso porque ao utilizar um sistema, a escola automatiza inúmeras atividades, entre elas o processo de matrícula e o diário escolar dos professores, o que reduz drasticamente a necessidade de impressão.

Inclusive, os alunos podem ser beneficiados pelo sistema. Isso terão a possibilidade de acessar a agenda digital escolar por meio de um aplicativo, o que elimina a necessidade da antiga agenda de papel e ainda demonstram a eles a importância de evitar o desperdício de papel.

4. Economizar energia elétrica

Existem dois bons motivos para controlar a energia elétrica: o primeiro é a conscientização da necessidade de economizar os recursos naturais e o segundo é a economia financeira.

Para garantir a economia, a escola deve investir em lâmpadas de led, que são mais econômicas, evitar deixar o ar-condicionado ou ventiladores ligados em ambientes vazios e utilizar sensores de presença em locais estratégicos.

5. Evitar o desperdício de água

Diversas regiões do país e do mundo já sentem as consequências da escassez de água. Em função disso, o desperdício desse recurso natural deve ser evitado de todas as maneiras. Para isso, a escola deve verificar regularmente se não há vazamentos em todas as torneiras e vasos sanitários.

Além disso, há a necessidade de orientar os alunos para fecharem a torneira enquanto escovam os dentes. Os professores também precisam reforçar que eles também devem ter essa consciência em casa e evitar banhos demorados ou esquecerem as torneiras abertas.

6. Reutilizar livros

A reutilização de livros é uma excelente oportunidade de economizar na compra do material escolar e ainda contribuir para a conservação do meio ambiente. Uma forma de fazer isso é incentivar os alunos a comprarem livros em sebos, que são lojas que vendem livros usados.

Há escolas que abrem um espaço para que todos os anos os alunos façam a troca ou a venda de seus livros didáticos de anos anteriores com valores de até metade do preço original. Essa é uma forma de os alunos entenderem a importância de cuidar do material durante o ano para que ele possa ser aproveitado por outras crianças no ano seguinte.

7. Ensinar técnicas de reciclagens

A reciclagem é uma excelente oportunidade para estimular a criatividade das crianças. Os professores podem incentivar os alunos a produzir seus trabalhos com materiais reciclados.

Por exemplo, os pequenos podem criar presentes para os pais em datas comemorativas utilizando materiais reciclados, como forrar um porta-retrato com filtro de café ou utilizar caixinhas de leite vazias forradas com papel de presente como porta-lápis. O importante é que eles aprendam a mensagem de que o lixo pode ser reaproveitado de alguma forma.

8. Incentivar a criação de uma rede de caronas

Uma maneira de ajudar o meio ambiente, economizar e ainda fazer amigos é participar de uma rede de caronas. A escola pode estimular essa atividade por meio da apresentação de pais que morem em localidades próximas.

Dessa forma, eles podem formar grupos que se revezam na tarefa diária de levar e buscar os pequenos à escola. Essa é uma excelente oportunidade para estimular a socialização entre as crianças e entre os pais.

Existem diversas ações que podem ser executadas para demonstrar como é possível aplicar a sustentabilidade na escola e, com isso, instruir seus alunos sobre como construir um futuro melhor para eles e suas famílias por meio de ações simples e sustentáveis.

Agora que você já sabe como o uso da tecnologia na escola é importante para a preservação do meio ambiente, entre em contato com a Escolaweb e solicite uma demonstração!